Estação Goiânia investe R$ 40 milhões e passa a se chamar Estação da Moda

By on abril 24, 2018
Fachada 1 - Web

Em encontro entre empreendedores e lojistas, foi apresentada nova marca do centro de compras. Além do varejo, foco também será na moda em atacado e serviços

O Estação Goiânia agora é Estação da Moda. Em encontro com lojistas, além do anúncio do novo nome, empreendedores também anunciaram o investimento de R$ 40 milhões em infraestrutura e reposicionamento de marca, em projeto que deverá estar concluído nos próximos dois anos. O centro de compras terá novo conceito arquitetônico, com mais lojas, e investirá em um modelo que venderá moda a preços competitivos tanto no atacado como no varejo. Para facilitar ainda mais a vida de clientes, haverá ampliação da oferta de serviços, incluindo a instalação de uma universidade.

A mudança de nome é uma dentre inúmeras novidades que já estão em fase de implementação. A nova fachada já está em obras, assim como os espaços para a instalação da empresa de vistoria do Detran, Sanperes, e da Faculdade Estácio de Sá. A Sanperes deverá ser inaugurada até o início de junho e a Faculdade Estácio já inicia o segundo semestre letivo de 2018 no local. No encontro realizado com os lojistas no último sábado (21/4), os empreendedores Fernando Maia e Paulo Roberto da Costa, comentaram as principais alterações.

“Vamos ter um maior fluxo de pessoas no nosso mall. Estamos falando em mais de 10 mil alunos circulando e cerca de 500 veículos passando por vistoria diariamente. Isso trará força mercadológica, um público mais qualificado e mais oportunidades de negócios”, afirma Fernando Maia.

Novo momento

O novo projeto arquitetônico do Estação da Moda foi desenvolvido pelo escritório de Paulo Baruki, renomado arquiteto na América Latina, conhecido pelos trabalhos inovadores para shoppings e projetos de uso misto.

Segundo o empreendedor Paulo Roberto da Costa, a revitalização da fachada vai reforçar a imagem de varejo, mas também mostrará que o Estação tem moda para todos, incluindo também atacado e a oferta de serviços. “Quando olharem para nossa nova fachada, os 30 mil carros que passam na nossa porta todos os dias vão saber que aqui tem varejo, atacado e serviços; vão ter uma nova percepção do empreendimento e saber que aqui é o Estação da Moda”, pontua.

As obras da nova fachada serão concluídas ainda no primeiro semestre deste ano. Moderna, ela reforçará a imagem de varejo. “Essa mudança vai dar um impulso para localizar o Estação da Moda. As pessoas terão ainda mais facilidade para nos localizar”, ressalta Gerônima Ivo, lojista no Estação da Moda desde a inauguração do empreendimento, há mais de uma década.

Fernando Maia afirma que as melhorias se potencializarão ainda mais com a conclusão da plataforma do BRT em frente ao centro de compras. “A expectativa com a conclusão das obras do BRT é que o fluxo de pessoas aumente ainda mais. Na estação que será construída aqui em frente, o movimento de pessoas chegará a 60 mil por dia”, ressalta.

Lojista no Estação da Moda também há mais de 10 anos, Mara Francisca acompanhou o pioneirismo do empreendimento que foi o primeiro a se instalar na Região da Rua 44, apostando no potencial de comercialização de moda da Feira Hippie, e ajudou a levar desenvolvimento para a área. Mara conta que viu as transformações durante todos os anos e acredita que as novidades vão ter reflexo positivo. “O novo projeto vai ficar lindo e vai ajudar a atrair mais clientes para nossas lojas”, conta.

Crédito da foto: Divulgação

You must be logged in to post a comment Login